Caja PDF

Comparta fácilmente sus documentos PDF con sus contactos, la web y las redes sociales.

Compartir un archivo PDF Gestor de archivos Caja de instrumento Buscar PDF Ayuda Contáctenos



Comércio 324 .pdf



Nombre del archivo original: Comércio 324.pdf

Este documento en formato PDF 1.5 fue generado por Adobe InDesign CS4 (6.0) / Adobe PDF Library 9.0, y fue enviado en caja-pdf.es el 23/11/2016 a las 04:19, desde la dirección IP 85.242.x.x. La página de descarga de documentos ha sido vista 1427 veces.
Tamaño del archivo: 9.2 MB (24 páginas).
Privacidad: archivo público




Descargar el documento PDF









Vista previa del documento


Preço: 0,01

Publicidade

Publicidade

Semanário | Quarta-Feira | 23 de Novembro de 2016 | Ano X | N.º 324

Director: Fernando Borges

SOCIEDADE

DESTINOS

entrevista

DESPORTO

Diminuição do IMI

Óbidos

Barman

Dirigente do Ano

A Assembleia Municipal do Seixal aprovou, sob proposta da Câmara Municipal, uma nova diminuição do valor da
taxa do imposto municipal sobre imóveis, reduzindo a carga fiscal pelo segundo ano consecutivo.
Pág. 5

Um mergulho na história que percorre
as ruas de Óbidos, uma enchente de vida
que juntamente com todos os centenários documentos arquitectónicos fazem
desta pequena vila um dos lugares mais
belos de Portugal.
Pág. 6

Em busca de um novo desafio profissional Bruno Melo oriundo do concelho do
Seixal, deixou Barcelona e, foi viver para a
Islândia, onde está faz 4 anos. País que representou no Mundial da Bulgária 2015 e
Japão 2016.
Pág. 16

José Torres, presidente do Centro
Cultural e Recreativo do Alto do Moinho
(CCRAM) foi nomeado para o prémio
de “Dirigente do Ano” que foi entregue
na cerimónia do 66.º aniversário da
Federação de Ginástica de Portugal.
Pág. 23

Publicidade

REPORTAGEM
2

Parabéns a nós, Pa
pelo nosso Nono A

Celino Cunha Vieira

editorial

Penso que já todos andamos
enjoados, ou melhor dizendo, enojados
com o folhetim sobre a entrega ou não da
declaração ao Tribunal Constitucional
dos rendimentos, património e cargos
sociais dos senhores administradores da
Caixa Geral de Depósitos. Sempre ouvi
dizer que quem não deve não teme e por
isso é de desconfiar que a recusa tem a
ver com algo que se quer esconder. E não
será esconder o que têm, mas sim como
o conseguiram. Por muito competentes
que sejam estes senhores, certamente
não serão insubstituíveis e por isso seria
aconselhável nomear outros que não
tenham estes condicionalismos.
Valha-nos
entretanto
uma
boa notícia, com a passagem dos
transportes públicos de Lisboa para a
esfera autárquica, ou seja, em época de
tudo se privatizar, quando se inverte
esta situação é sempre de louvar,
embora existam outras experiências que
nem sempre deram bons resultados.
Mas que tem isto a ver com o Seixal?
Aparentemente nada, mas poderá servir
para no futuro, se tudo correr bem na
capital, que outras Câmaras tomem
a mesma iniciativa, nem que seja de
gestão e parceria intermunicipal.
Uma outra boa notícia é a da
diminuição do IMI no Concelho do
Seixal, que embora represente uma
baixa de receita para a Câmara de quase
7 milhões de euros, ainda representa
um grande encargo para muitas
famílias, sendo desejável que no futuro
se encontrem soluções que permitam
baixar mais este imposto.
E por estes dias, para além do
Aniversário do “Comércio” de que se
fala aqui ao lado e nas páginas com
depoimentos de alguns dos nossos
Amigos, há que destacar o 23.º
Aniversário do Fórum Cultural do
Seixal, importante equipamento que
em boa hora foi construído e por onde
têm passado no seu Auditório excelentes
espectáculos.
Também a Associação José Afonso
que já conta com 15 Núcleos, vai
realizar o seu Encontro Nacional no
próximo fim-de-semana em Almada,
de que damos nota nesta edição,
mantendo bem viva a memória de
um Homem que merece toda a nossa
admiração.
Nos “destinos” vamos até Óbidos,
onde dentro das suas muralhas se pode
mergulhar na história e que ao longo
do ano é cenário de muitos e variados
eventos culturais e turísticos.
E como esta edição é de Aniversário,
de nove anos já passados, saímos com
24 páginas em vez das tradicionais
16, olhando para o futuro com
esperança redobrada e contando com
a colaboração de todos aqueles que lhe
dão corpo semanalmente.

O Jornal Comércio do Seixal e Sesimbra, celebrou na Sexta-feira passada 9 anos de existência, para comemorar
o seu aniversário estiveram presentes todos os seus colaboradores entre outros convidados de honra.

Administração, Redacção
e Publicidade

Director: Fernando Borges - CP1608
Registo do título: 125282
Depósito Legal: N.º 267646/07
Contribuinte N.º 194 065 499
Propriedade e Editor: Ângela Rosa

Rua Seixal Futebol Clube, n.º 1, 1.º Dt
2840 - 523 Seixal
Telm. 969 856 802
Telf. 210 991 683
comerciodoseixal@gmail.com
http://jornalcomerciodoseixalesesimbra.wordpress.com
Facebook: Comércio do Seixal e Sesimbra

Não fosse a chuva que transformou em
lama todo o piso de acesso ao local devido
às obras de requalificação que tardam em ser
finalizadas, poder-se-ia ter estendido uma
passadeira vermelha para que os convivas
pudessem desfilar, qual noite de Óscares. De
qualquer modo o importante era festejar e não
dar muita importância à intempérie que deu
umas tréguas para a fotografia de conjunto.
Pena que a escuridão da noite não permita ver
a nossa espectacular baía.
Para além dos convidados e de outras
personalidades do Concelho, não podemos
deixar de destacar a presença de alguns Autarcas,
do Presidente da União de Freguesias do Seixal,
Arrentela e Aldeia de Paio Pires, assim como do
Presidente da Assembleia Municipal do Seixal,
que muito nos sensibilizou.
É verdade, mais um ano, já conta com
nove anos de existência. Nove anos de luta,
reportagens, entrevistas, briefings semanais e,
muita, mas muita diversão e companheirismo
na sua redação.
No dia em que o Comércio do Seixal e
Sesimbra cumpre mais um aniversário, todos
os que fazem parte do nosso universo estão
igualmente de parabéns. E quisemos, nesta
edição especial, trazer para as nossas páginas
os nossos leitores e os nossos patrocinadores
que todas as semanas nos ajudam para que

Director Adjunto: Celino Cunha Vieira TE1218
Directora Comercial: Ângela Rosa
Paginação: Sofia Rosa
Desporto: Luis Pontes CO1039
Repórter: Fernando Soares Reis CP6261
Colaboradores: Adriana Marçal, Agostinho António Cunha,
Alvaro Giesta, ANIVET - Consultório Veterinário, Dário Codinha,
Fernando Fitas CP2760, Hugo Manuelito, José Henriques, José
Lourenço, João Araújo, Jorge Neves, José Mantas, José Sarmento,

Maria Vitória Afonso, Maria Susana Mexia, Mário Barradas, Miguel
Boieiro, Paulo Nascimento, Paulo Silva, Pinhal Dias, Rúben Lopes,
Rui Hélder Feio, Vitor Sarmento.
Impressão: Funchalense - Empresa Gráfica, S.A.
Tiragem: 15.000 exemplares
O «Comércio» não se responsabiliza nem pode ser responsabilizado pelos
artigos assinados pelos colaboradores. Todo o conteúdo dos mesmos é da
inteira responsabilidade dos respectivos autores.

CSS | 23 de Novembro de 2016

3

arabéns a você,
Aniversário

poesia

António Agostinho Cunha

Poema dedicado
ao 9º Aniversário do Jornal
“COMÉRCIO DO SEIXAL E SESIMBRA”
FUNDADO EM 16/11/2007
Vamos todos comemorar
O seu nono aniversário
Todos temos que ajudar
O nosso grande semanário
É um jornal já adulto
Com idade de criança
É sério, muito culto
Vive assim com muita esperança

semanalmente haja uma nova edição na rua. A
todos eles o nosso muito obrigado.
Sempre com o objetivo de informar o
público, o Comércio do Seixal e Sesimbra
trabalha diariamente para se afirmar no mundo
da Comunicação Social, como uma fonte de
informação, de confiança e de excelência. Os
nove anos, são o resultado desse árduo trabalho.
Somos um Jornal de distribuição gratuita que
promove fundamentalmente informação isenta
nos concelhos do Seixal e de Sesimbra.
Durante o jantar e, entre risos e gargalhadas,
a atmosfera nessa noite foi de muita harmonia,
mas, acima de tudo de muito companheirismo
entre os presentes na sala. Entre conversas
e trocas de experiências pessoais, o Jornal
Publicidade

Comércio do Seixal e Sesimbra estava presente
no discurso de todos, pela evolução que teve,
pelo rigor das notícias publicadas, por estar
diariamente a trabalhar para informar.
E como dizia um tal filósofo chinês
(segundo um intelectual da pastilha elástica)
porque uma imagem vale mais que mil
palavras, temos a cobertura fotográfica do
nosso repórter Fernando Soares Reis, que tão
bem soube captar alguns momentos.
Depois e em fim de festa cantaram-se
os parabéns, com o desejo de que para o
ano todos possam voltar a este Encontro
Comemorativo, já que 10 anos de vida de um
jornal independente não é fácil de alcançar.

Temos novos colaboradores
No Comércio do Seixal
Sejam operários ou doutores
São bem-vindos ao Jornal
Com orgulho e com firmeza
Muito têm para escrever
Eu tenho quase a certeza
Não se vão arrepender
Nestes versos que lhes faço
Com amizade e carinho
Para todos um abraço
Prás mulheres um beijinho
18 Novembro 2016

social

CSS | 23 de Novembro de 2016

4

A esquecida
«Conspiração das Hidras»

BURACO DA MINHOCA

Dário S. Cardina Codinha

SUPER-LUA
Tivemos, no dia 14 de Novembro a
maior lua desde 1948 e a mais próxima
do século será em 2052.
Na super-lua, esta fica cerca de 14%
maior e 30% mais brilhante.
Contudo, o olho humano não consegue
perceber essa diferença a não ser com a
comparação de fotografias.
De facto, a lua não fica maior, parece
maior por estar a uma distância menor
de nós, um fenómeno chamado de
“ilusão da Lua”, tal como quando a lua
viaja desde o horizonte até ao ponto
mais alto não altera de tamanho.
Ao estar mais próxima à Terra vai fazer
com que as marés fiquem ligeiramente
mais altas, a chamada maré de sigizia.
Uma curiosidade que nem toda a gente
sabe é que as super-luas serão cada vez
menores já que a lua afasta-se da Terra
3,8 cm/ano.
Há milhões de anos a super-lua era
gigantesca.
Ela formou-se a cerca de 22 500 Km da
Terra (hoje está a 380 000 km).
Apesar de estar na moda, não é um
momento raro de acontecer nem tão
extraordinário.
A super-lua é um evento que ocorre entre
1 a 4 vezes por ano quando a lua cheia
coincide com o Perigeu (o local da órbita
onde a Lua está mais próxima da Terra).
É possível haver um eclipse total de uma
super-lua? Sim, mas não neste século.
O eclipse da lua acontece quando há um
alinhamento entre o sol, a Terra e a Lua
e esta passa pela sombra da Terra.
Um eclipse da Lua apenas acontece
na Lua cheia e o eclipse do Sol apenas
acontece na Lua nova.
Não houve lobisomens nem bruxas a
voar pelos telhados.
Também não houve uma explosão de
nascimentos nem, os que houve, não
tiveram o sexo da criança influenciado
pela nossa Lua.

DR

Uma das mais desconhecidas intrigas políticas da História de Portugal é a chamada «Conspiração das
Hidras», activa entre Março e Julho de 1848. Esta conspiração, influenciada pela revolução de Fevereiro do
mesmo ano que levaria à implantação da efémera 2ª República Francesa, pretendia similarmente implantar
uma república em Portugal e foi a primeira expressão activa do republicanismo em Portugal, antecedendo a
criação do Partido Republicano Português (fundado em 1876) em cerca de 30 anos, e antecedendo em quase
meio século a tentativa revolucionária republicana de 31 de Janeiro de 1891, no Porto.
Esta ocorreu menos de 1 ano após o fim
da Guerra Civil da Patuleia, que opôs os
governos da rainha D. Maria II contra
uma coligação de forças progressistas
e miguelistas, representados na Junta
Governativa do Porto. A intervenção
da Quadrupla Aliança levara à
rendição de tal coligação na Convenção
de Gramido, mas a actividade
conspiratória das forças progressistas e
as acções de guerrilha dos miguelistas
(apoiantes do ex-rei exilado, D. Miguel)
continuavam.
A conspiração teve a sua génese na
criação da Comissão Revolucionária
de Lisboa, em Maio de 1848, liderada
por um «Triunvirato» constituído
por Oliveira Marreca, José Estevão e
António Rodrigues Sampaio. Outro
foco da conspiração encontrava-se
na associação secreta da Carbonária
Lusitana, sediada em Coimbra, sob a
liderança do padre António de Jesus
Maria da Costa. Segundo as memórias
do Marquês da Fronteira (o Governador
Civil de Lisboa em 1848), este afirma
que a conspiração consistiria no
suposto assassinato do casal real – D.
Maria II e o rei-consorte, D. Fernando
– através do lançamento de bombas de
mão ao coche real, durante uma ida
ao Teatro S. Carlos; seguia-se depois
um levantamento de civis armados e
de militares, que tomariam Lisboa.
No entanto, o governo do Duque de
Saldanha (presidente do ministério
de então) conseguiu deter vários
indivíduos associados à conspiração, no
dia 17 de Junho do mesmo ano – José
Estevão e António Rodrigues Sampaio
conseguiram escapar. Muito dos presos
seriam libertados segundo um acórdão
do Tribunal da Relação de Lisboa de
2 de Novembro do mesmo ano, pois
se terá chegado à conclusão que os

ROSTOS

Adelino da Silva Tavares
(1945)

Legenda: As figuras do «Triunvirato» da «Conspiração das Hidras»

depoimentos das testemunhas eram
contraditórios, não havendo assim as
provas necessárias para incriminar os
réus.
Todos aqueles que participaram na
conspiração e que ainda se encontravam
presos na altura acabariam por ser
amnistiados por Decreto de 20 de Junho
de 1849, pelo 2º governo de Costa
Cabral. Muitas das importantes figuras
que participaram na conspiração –
incluindo os membros do «Triunvirato»

Natural do Seixal, desportista nato, jogou
no então Seixal Futebol Clube, foi hoquista no Grupo Desportivo da Mundet e atleta no Sporting Clube de Portugal, onde foi
campeão nacional em iniciados de atletismo,
sendo treinado pelo professor Mário Moniz
Pereira.
Completou os estudos em Lisboa, na Escola Comercial Veiga Beirão e no Instituto
Comercial, trabalhando como contabilista e
analista de informática. Ingressou na Cooperativa Compelmada, fazendo parte dos seus
órgãos sociais.
Na sua vida política, fez parte da
Assembleia de Freguesia do Seixal, sendo Presidente da Junta de Freguesia do Seixal.
Em 1983, foi eleito Vereador do Ambiente, Higiene Urbana e Urbanismo na Câmara
Municipal do Seixal, cargo ocupado até 2001,
sendo ainda técnico, Vogal e Vice-Presidente
na Associação de Municípios do Distrito de
Setúbal e eleito na Assembleia Municipal do
Seixal (2005 a 2009).

- acabariam por se tornarem políticos
influentes do período da «Regeneração».
Apesar da aparente fraqueza de uma
conspiração abortada, a influência das
Revoluções de 1848 em Portugal foram
grandes no campo ideológico, sendo
esta a época do surgimento dos ideais
do republicanismo e do socialismo em
Portugal, além de surgirem os primeiros
jornais de imprensa a advogarem tais
ideais.
Rúben Lopes

Atualmente, faz parte da Associação Água
Pública e da Mesa da Assembleia da Santa
Casa da Misericórdia do Seixal.
Dedica-se à escrita, contando já com quatro obras publicadas, valorizando em todos os
cargos que ocupou o contacto direto com os
trabalhadores e população.
Foi agraciado com a Medalha de Mérito
Municipal, grau prata, no 180º aniversário do
concelho do Seixal, a 6 de novembro de 2016.

Mário Barradas

sociedade

CSS | 23 de Novembro de 2016

5

Autarquia do Seixal aprova nova
diminuição de IMI para 2017
A Assembleia Municipal do Seixal aprovou a 14 de Novembro de 2016, sob proposta da Câmara Municipal, uma nova diminuição do valor da taxa
do imposto municipal sobre imóveis, reduzindo desta feita a carga fiscal municipal junto da população pelo segundo ano consecutivo.

DR

desagravamento, a par da realização de
mais investimento, da prestação de um
serviço público de elevada qualidade e
de uma política tarifária das mais baixas
das Áreas Metropolitanas de Lisboa e
Porto, seja também, no abastecimento
público de água ou na utilização dos
equipamentos desportivos ou culturais.
Também aprovado nesta reunião
o lançamento de derrama (taxa sobre
o lucro tributável das empresas) que,
tem como objetivo fulcral, incentivar
investimentos de natureza local,
capazes de gerar emprego, contribuindo
para o desenvolvimento de uma base
económica que lance perspetivas futuras
de crescimento sustentável, isentou as
empresas que constituam residência
fiscal ou fixem a sua sede social no
Município do Seixal durante o ano de
2016.
E, que cumulativamente, tenham
criado ou mantido durante este período
três ou mais postos de trabalho.

Segundo a Autarquia, considera ser
uma medida transversal e com equidade,
ao invés de medidas casuísticas e
de abrangência limitada, e que irá
contribuir para o alívio dos orçamentos
Publicidade

das famílias. Como referiu o Presidente
da Câmara Municipal do Seixal,
Joaquim Santos, “perto de 85.000
proprietários de imóveis no concelho
irão beneficiar de uma nova redução, o

que implica, para os cofres municipais, o
não recebimento de quase 7 milhões de
euros de receitas”.
A taxa foi fixada em 0,4%, e espera
o Executivo manter esta tendência de

Foi estabelecida uma taxa reduzida de
1,0% nas, micro e pequenas empresas
com sede no Município do Seixal,
com volume de negócios inferior a €
150.000,00.

Destinos

CSS | 23 de Novembro de 2016

6

Óbidos

Uma doce jóia da coroa portuguesa

Conhecida pelas suas pequenas casas de paredes brancas contornadas por listas azuis ou amarelas, janelas floridas, ruelas
e escadarias de belos empedrados guardadas por uma muralha bem preservada, Óbidos proporciona aos visitantes, como
poucos outros lugares históricos, uma experiência única de viver a História e a beleza natural de Portugal, misturando
com suavidade, aqui e ali, elementos de estilo românico, gótico, manuelino e barroco, num puro cenário medieval.
Cada ruela e cada esquina é um verdadeiro documento que referencia várias épocas
de História de Portugal, em especial a que se
fez nos séculos XXII e XIII e tão visível nesta vila medieval toda cercada de muralhas e

estruturada por típica arquitectura, Sim, Óbidos é terra de ruas estreitas onde a cada passo
surgem recantos preciosos e janelas ainda hoje
ornamentadas de belas flores que nos transportam para um ambiente marcadamente cortesão, mostrando bem, a cada instante, as suas
ligações à realeza, entre as calçadas estreitas,
as casas caiadas de
branco com toques
de azul ou amarelo e
o imponente castelo.
Uma vila medieval amuralhada que é
toda ela uma homenagem fascinante ao
rico e por vezes atribulado passado de
Portugal, a um passado que aqui ainda
brilha num secular
halo de lealdade envolto num imperecível timbre de mil feitos.
Mas este não é só e apenas um lugar especial reconhecido como um importante tesouro nacional cuidadosamente preservado e
Publicidade

por onde podemos viajar passeando pelas ruas
antigas onde gerânios e as buganvílias formam
uma sinfonia de cores testemunhando e envolvendo o visitante numa magia única carregada
de histórias de conquistas, de amores e desamores, de reis e rainhas e de passado envoltos
em mistérios.
É também um lugar que convida ao desfrutar, a partir do cimo das suas majestosas
muralhas, das deslumbrantes paisagens campestres de cariz eminentemente agrícola com
o colorido dos vinhedos e pomares espalhados
pelos vales, outeiros e montes, da descoberta
de mil e um outros atractivos que vão da pintura à arquitectura, da gastronomia ao artesanato… E que tem na Rua Direita a principal
via de acesso ao encontro destes testemunhos
culturais como a ginjinha de Óbidos, os típicos bordados, cerâmicas e mantas de retalhos.
Testemunhos que se prolongam para além
das muralhas quando se percorrem as frondosas estradas em direcção de uma não menos
bela linha costeira de falésias acidentadas e
praias isoladas, de uma paisagem campestre
tranquila e intacta, de um clima ameno que
ajuda a que este seja
um local magnífico
para os amantes da
natureza e para todos
os que procuram um
ritmo de vida mais
calmo.
Como o é esse lugar de raro encanto
e de incontrolável
tranquilidade que é a
Lagoa de Óbidos, um
habitat privilegiado
para numerosas espécies de planta e animais, um dos sistemas
lagunares costeiros mais importantes de Portugal graças a suas características e beleza.
Lugares fora da protecção das muralhas

onde as fortes tradições rústicas deixaram
também um rico legado de delícias gastronómicas, com especial destaque para o peixe
fresco e para o marisco, assim como para a extraordinária qualidade dos seus vinhos.
Mas regressemos a essa monumentalidade
assente sobre um modesto penhasco à beira de
extenso areal que ainda há pouco mais de dois
séculos as águas do mar cobriam, Óbidos.
Regressemos às casas caiadas de branco
com cunhais pintados de azul ou amarelo,
das portas e postigos que patenteiam traços
medievais, dos pitorescos recantos de sabor
antigo, das igrejas, sóbrias fachadas, janelas
manuelinas e vestígios histórico-monumentais
complementados pela policromia das flores e
trepadeiras que dão vida a esta Terra de Reis
ou, como também lhe chamam, desta Vila
Presépio, para viajar até aos tempos de hoje.

Na realidade, Óbidos não é só um vasto património edificado entre muralhas que se destaca pelo seu castelo que foi classificado como
uma das 7 Maravilhas de Portugal.
É também um lugar que se esforça por
manter vivas todas as antigas tradições, chamando os mais novos e todos os outros para
participarem na sua anual Feira Medieval
onde, com o castelo como pano de fundo,
centenas de actores e figurantes vestidos a rigor fazem as delícias de todos aqueles que aqui
passam.
É um “mergulho na História” que percorre
as ruas de Óbidos, uma enchente de vida que
juntamente com todos os centenários documentos arquitectónicos fazem desta pequena
vila, a escassos 80 quilómetros de Lisboa, um
dos lugares mais envolventes, carismáticos, belos e únicos de Portugal.
Texto e Fotos: Fernando Borges

CULTURA

CSS | 23 de Novembro de 2016

7

Grupo Cénico José Viana esgota
Festival de Teatro do Seixal

POESIA

Pinhal Dias

Promessas soltas ao vento
Avalanche derrocada, virou pântano
Por desfiladeiros de artes e manhas
O povo a sobreviver p’ lo engano
Nessa devasta prisão de bolanhas…
Sonhos de vida que foram perdidos
Sem trabalho e pouco vencimento
Desmobilizados e nos adidos
E são levados sim…ao sofrimento!
As promessas foram soltas ao vento
Num país celeiro…jaz ao relento
Pobres trabalhadores, sem mecenas
Numa noite de chuva, a Sociedade
Filarmónica União Arrentelense recebeu
a Revista à Portuguesa (R)ir É O Melhor
Remédio apresentada pelo Grupo
Cénico José Viana que, inserido no 33º
Festival de Teatro do Seixal, rapidamente
esgotou a capacidade do auditório.
Desde criticas ao governo, passando
pelas sátiras às personagens mais
caricatas da vida social e terminando
numa apoteose final com um guardaroupa belíssimo, o Grupo Cénico José
Publicidade

Viana levou três horas de gargalhadas e
boa disposição num ambiente novo com
melhorias quer cénicas, quer vocais dos
artistas que compõem o grupo.
A assistir estavam também o
Presidente da União de Freguesias de
Seixal, Arrentela e Aldeia de Paio Pires
- António Santos que teceu elogios ao
grupo.

É hora…seu relógio a despertar!?
E sem dinheiro para o consertar
Por uma escrita de várias penas

Pinhal Dias (Lahnip) – Amora / Portugal
(In: “Musa da Existência”)

publireportagem

CSS | 23 de Novembro de 2016

8

"Carglass repara, Carglass substitui",

direito
Sofia Batalim

Responsável pela área Fiscal da
Paulo Silva e Associados – Sociedade de Advogados

O “PERES” - REGULARIZAÇÃO
DE DÍVIDAS FISCAIS
E À SEGURANÇA SOCIAL
No passado dia 04 de Novembro, entrou em
vigor o Decreto-Lei n.º 67/2016, de 03 de Novembro, que criou o PERES - Programa Especial
de Redução do Endividamento ao Estado. Este
Programa foi criado com o intuito de incentivar
os contribuintes e empresas nacionais a regularizar as suas dívidas ao Estado. Todavia, nem todas
as dívidas ao Estado, pois apenas estão abrangidas
pelo PERES: A) as dívidas fiscais que reúnam todas as seguintes condições: i) se reportem a impostos de períodos até 31 de Dezembro de 2015,
ii) o seu prazo legal de pagamento tenha terminado até 31 de Maio de 2016, iii) estejam a ser
cobradas em processo de execução fiscal, ou que,
não estando, ainda, a ser cobradas em processo de
execução fiscal, tenham sido liquidadas até, inclusivamente, 03 de Novembro de 2016, e iv) não
decorram da falta de pagamento de contribuições
extraordinárias (como as contribuições extraordinárias sobre os sectores energético, bancário e
farmacêutico); e B) as dívidas à Segurança Social
i) que se reportem a contribuições, e ii) cujo prazo legal de pagamento tenha terminado até 31 de
Dezembro de 2015. O contribuinte que tenha
dívidas fiscais abrangidas pelo PERES e pretenda
regularizá-las terá de fazer a sua adesão, por via
electrónica, através do Portal das Finanças, até 20
de Dezembro de 2016. Se tiver dívidas à Segurança Social, a adesão terá de ser efectuada, no
mesmo prazo, através da Segurança Social Directa. Aquando da adesão, terá de optar pelo pagamento integral ou em prestações, e, neste caso,
indicar o número de prestações pretendido, até ao
máximo de 150 prestações mensais iguais, cada
uma delas com o valor mínimo de € 102,00 ou €
204,00, consoante o contribuinte seja um particular ou uma empresa. Se optar por incluir todas
as dívidas fiscais ou à Segurança Social abrangidas
pelo PERES, e as pagar, integralmente, até 20
de Dezembro, ficará dispensado do pagamento
dos juros de mora, juros compensatórios e custas do processo de execução fiscal. Além disso,
beneficiará de uma redução do valor das coimas
aplicadas ou aplicáveis pela falta de pagamento
dos impostos ou contribuições em causa - para
10 % do montante aplicado ou mínimo legal,
ou para € 10,00, consoante o que for superior
-, e da dispensa do pagamento dos encargos do
processo de contraordenação ou de execução fiscal associados às coimas. Caso não inclua todas
as suas dívidas fiscais abrangidas pelo PERES (só
possível relativamente a dívidas que estejam a ser
cobradas em processo de execução fiscal suspensa,
ou pagas ao abrigo de outro regime prestacional),
mas pague integralmente, até 20 de Dezembro,
todas as dívidas incluídas no plano de regularização, ficará, apenas, dispensado do pagamento
dos juros de mora, juros compensatórios e custas
do processo de execução fiscal correspondentes.
Já o pagamento em prestações acarreta a redução
dos juros de mora, juros compensatórios e custas
do processo de execução fiscal, em 10%, 50%
ou 80%, consoante o contribuinte se proponha
pagar em, respectivamente, 73 a 150 prestações,
37 a 72 prestações, ou 36 prestações. Todavia,
o contribuinte terá sempre de pagar, até 20 de
Dezembro, no caso das dívidas fiscais, e até 30
de Dezembro, no caso das dívidas à Segurança
Social, 8 % do valor da dívida. As prestações
subsequentes para pagamento das dívidas fiscais
começarão a vencer-se, mensalmente, a partir
de Janeiro de 2017, ao passo que as prestações
para pagamento das dívidas à Segurança Social
apenas se vencerão a partir da notificação do deferimento do plano prestacional ao contribuinte.
Em qualquer dos casos, deverão ser pagas até ao
último dia do mês a que digam respeito. Caso
o contribuinte se encontre a pagar dívidas à Segurança Social ao abrigo de outro plano prestacional, deverá continuar a cumprir esse plano
até ser notificado, pela Segurança Social, da sua
reformulação em virtude da adesão ao PERES.

no Seixal – Rio Sul Shopping

A nossa missão assenta na satisfação total do nosso cliente. Serviço de qualidade e com garantia. Com
serviços prestados, inovadores no mercado onde atua. O vidro para automóveis, a marca garante a satisfação
integral dos seus clientes.

Foi no passado dia 16 de Novembro, a
cerimónia de inauguração da nova Agência
Carglass® no Seixal – Rio Sul Shopping,
Localizada no Parque de Estacionamento,
Piso 0.
Com cerca de 100m2 e, dois colaboradores,
a nova Agência Carglass® no Rio Sul Shopping
conta com um Backoffice de 25m2 sendo
o restante espaço denominado – espaço de
trabalho, que permite ao cliente acompanhar
todo do serviço prestado.
O Evento teve início
às 12h, para receber os
convidados estava a Direção
da Carglass e, um pequeno
buffet de boas vindas. Na
lista dos presentes, constava
alguns membros da direção
da Carglass® em Portugal,
agentes de mediação,
Imprensa.
A
inauguração
da
Agência Carglass® no Seixal
teve o seu ponto auge,
no momento de cortar a
fita, para oficializar a sua
abertura. Samuel Magano,
Comercial Responsável pela
Margem Sul foi o anfitrião deste momento.
Seguido de um fantástico almoço oferecido
pela Marca a todos os convidados presentes
no Evento de inauguração da nova Agência.
Segundo a Relações Públicas e Diretora
de Marketing Liliana Moreia, em 2015 foi
realizado um estudo de market inteligence
em Portugal para avaliarmos as localidades
mais importantes para ter a presença de uma
agência Carglass®. Daí nasceu um projeto
para a expansão em 2016/2017. Seixal foi
identificado como uma potencial cidade,

apesar de já termos presença no concelho, com
uma agência em Corroios. Carglass® Seixal
nasceu da estratégia de expansão, onde estão
identificados espaços localizados em parques
nos supermercados e Centros Comerciais,
pela afinidade de negócio e pela comodidade
dos nossos clientes.
De origem Sul-africana, com sede em
Inglaterra, fundada em 1989, atua no mercado
português há mais de 27 anos presente em

todo o território Nacional, de Norte a Sul do
País. As suas Agências totalmente equipadas
para efetuarem um serviço de excelência, com
técnicos altamente qualificados, simpáticos e
profissionais, fazem desta Marca, um caso de
sucesso no mercado onde atua.
O mercado da Substituição e Reparação
de vidros é um mercado maduro, com vários
players de mercado. Apesar de o país ainda
estar numa conjunta desfavorável, a Carglass®
Portugal entrou em contra ciclo com o seu

projeto de expansão, onde já conseguiu
investir e abrir mais de 15 agências só em
2016. A proximidade é a principal estratégia
de 2016. Estarmos mais perto dos nossos
clientes, para sua comodidade, conveniência,
conforto e segurança. Para além deste projeto
de sucesso, outro sucesso foi alcançado com
um projeto português e inovador que foi o
lançamento de uma gama de 47 produtos,
no segmento car care, relacionados com
a limpeza e manutenção de automóveis.
Proteção e tecnologia são dois atributos
transversais a toda a Carglass®, estratégia de
Marketing utilizada pela Marca para ganhar
mais cota no mercado no sector onde atua
afirma Liliana Moreira, Relações Públicas e
Diretora de Marketing da Marca.
Adotou a filosofia de “reparar em 1º lugar”,
que significa que, sempre que possível, a Marca
trabalha para conseguir realizar a reparação do
para-brisa, em vez de substituí-lo por um novo.
Certificada pela, Aenor (padrões de qualidade
e de procedimentos), os vidros substituídos
são fabricados segundo as especificações e
métodos de produção dos vidros usados pelas
indústrias de fabrico automóvel, tendo assim a
mesma qualidade do fabricante original.
A sua missão assenta na satisfação total
do cliente. Serviço de qualidade e com
garantia. Com serviços inovadores no
mercado onde atua, o vidro para automóveis,
a marca garante a satisfação integral dos seus
clientes. A Carglass®, definisse como uma
Organização formada por pessoas satisfeitas,
motivadas, profissionais, que asseguram a
qualidade de serviço, rapidez, flexibilidade,
fazendo desta Marca um caso de Sucesso com
reconhecimento no mercado.
No projeto de Expansão da marca foi
identificada a possibilidade de criar espaços
que sejam práticos e que assegurem os
princípios da proximidade e conveniência.
Assim, a Carglass® tem espaços físicos, em
edifícios, recentemente foram criados espaços
em parques nos centros comerciais e ainda
espaços Modulares.
Com cerca de 30 agências em Portugal,
espalhadas de Norte a Sul do País, que
se pode esperar da marca, será criação de
novos produtos car care e continuação de
crescimento no projeto da expansão, afirma
Samuel Magano Responsável Comercial.

SOCIEDADE

CSS | 23 de Novembro de 2016

9

Mostra Internacional de Fanzines
A Sociedade Musical 5 de Outubro, na Aldeia de Paio Pires, vai receber, entre 25 e 27 de Novembro, uma
Mostra Internacional de Fanzines. A iniciativa é organizada pela CoopA – Associação Aldeia Cooperativa de
Artes e pela Fanzineteca de Coimbra, com o apoio da União das Freguesias do Seixal, Arrentela e Aldeia de
Paio Pires e da Sociedade Musical 5 de Outubro.
Para além dos fanzines,
estarão patentes exposições
de fotografia e de banda
desenhada
e
decorrem
palestras, dj-set, vídeos e um
ateliê de banda desenhada
para crianças. Geraldes Lino,
estudioso, crítico e editor de
fanzines de banda desenhada,
e Pedro Pereira «Pepedelrey»,
reconhecido
artista,
argumentista e editor de
banda desenhada, participam
em palestras e exposições
da Mostra Internacional de
Fanzines.
Do programa faz parte no dia
25 de Novembro, sexta-feira, a
partir das 21 horas, a abertura
oficial da Mostra Internacional
de Fanzines, seguida da
inauguração da exposição
de fotografia Renovaria, de
José Geraldo Marques e Gil
António Freitas, bem como da
inauguração da exposição de
banda desenhada Movimentos
da Memória, de Pedro Pereira
«Pepedelrey». Às 21.30 horas
haverá a apresentação do
fanzine coopAzine e pelas 22
horas DJ Set, Ato I: Sérgio
Gomes vs Pedro Gomes e
Publicidade

Ato II: José João Loureiro vs
António Caeiro
No dia seguinte, sábado
dia 26 de Novembro, a
Mostra abre às 14 horas e
pelas 16 horas haverá uma
Palestra
«Fanzines,
Esses
Desconhecidos», por Geraldes
Lino, seguindo-se pelas 17.30
horas uma outra Palestra
«Fanzines, a Alternativa de
Expressão», por Pedro Pereira
«Pepedelrey». Às 21 horas terá
lugar a apresentação da revista
Bíblia – Especial 20 Anos, por
Tiago Gomes e pelas 22.30
horas uma Mostra de vídeos
da Orquestra Popular de Paio
Pires.
No último dia, domingo 27
de Novembro a Mostra abrirá
às 14 horas e pelas 16 horas será
realizado um Ateliê de banda
desenhada para crianças, com
Pedro Pereira «Pepedelrey». Às
21 horas segue-se o DJ Set com
António Leonardo vs Miguel
Arcanjo e o encerramento será
às 24 horas.

DR

poesia

José Henriques

Se eu escrevesse...
Se eu escrevesse...
Tudo o que sinto
Não chegaria um dia
Para apontar tanto sentimento.
Se eu escrevesse...
O que passei
Não chegaria um dia
Para apontar tantas histórias.
Se eu escrevesse...
O que eu fiz passar
Não chegaria um dia
Para me desculpar.
Se eu escrevesse...
O que eu venci na vida
Não chegaria um dia
Para tamanha felicidade.
Se eu escrevesse..
Na realidade o que sou e quero
Não chegaria um dia
Para tamanho sonho!

sociedade

CSS | 23 de Novembro de 2016

10

S. Martinho em Festa
O Banco da nossa terra comemora o S. Martinho com oferta à população!

No Montijo, pelo segundo ano,
decorreu com grande animação e com
a colaboração do grupo de dança Mad
G Wine Crew (Estúdio de Dança
On Stage),que associou música e boa
disposição à acção, na qual também
esteve presente o Presidente da União
de Freguesias de Montijo e Afonsoeiro
(Fernando Caria) e a população em geral.
De acordo com o representante da

O Grupo Crédito Agrícola é
reconhecido pela proximidade dos seus
clientes e da comunidade onde está
inserido. Associando-se à população
não apenas como parceiro financeiro
mas também nos mais variados eventos
sociais, culturais e desportivos.
O Crédito Agrícola de Entre Tejo e
Sado, pelo segundo ano consecutivo toma
a iniciativa de assinalar o S. Martinho
através de uma dinâmica de balcão que
compreende a instalação de assador e a
oferta de castanhas e água-pé, aos seus
clientes e à população em geral.
Publicidade

Mais do que a visibilidade, esta acção
permite um contacto directo com a
população e um momento de convívio,
de forma a reforçar laços e auscultar
necessidades quanto à intervenção
enquanto instituição financeira e parceiro
social na comunidade.
No Seixal, a dinamização foi realizada
este ano pela primeira vez e apesar
das condições inerentes às obras de
requalificação da zona ribeirinha foi
criada uma atmosfera de festividade com
a participação de clientes, transeuntes e
membros da comunidade local.

Caixa de Crédito Agrícola de Entre Tejo
e Sado (Administrador Luís Marques), o
mesmo indicou que se pretende que esta
iniciativa passe a fazer parte do plano de
actividades anual e seja alargada a mais
balcões desta região.
Reforçou que este é um banco local e
próximo e das comunidades e das suas
tradições.

mensagens

CSS | 23 de Novembro de 2016

11

OS AMIGOS
DO "COMÉRCIO"
"Parabéns para o Comércio
do Seixal e Sesimbra na passagem do seu 9º aniversário
"Em meu nome pessoal e em
nome da Assembleia Municipal do Seixal, saúdo O Comércio do Seixal e Sesimbra
no seu 9º aniversário, incluindo nesta saudação os seus
trabalhadores e colaboradores que assim têm preenchido um espaço de informação municipal e regional cuja cobertura regular não
encontramos nas publicações de âmbito nacional.
Sublinho, neste quadro, a comunicação de proximidade, apoiada numa relação de rigor e cooperação com instituições, movimento associativo, agentes
económicos, comunidades e Poder Local, e desse
modo firmando um contributo para a dinâmica da
vida e do progresso do nosso concelho e da região,
a nível social, cultural e empresarial."
Alfredo Monteiro
Presidente da Assembleia Municipal do Seixal

"Transmito as minhas felicitações à equipa do Comércio do
Seixal e Sesimbra pela passagem do seu 9.º aniversário.
Este importante órgão de
comunicação social local tem
desenvolvido um trabalho de
grande importância levando
às populações informação
sobre a grande dinâmica do
Concelho, bem como as suas
preocupações e anseios. Faço votos de sucesso para
que continuem a lutar por manter bem viva uma comunicação social local e regional ao serviço da comunidade."
Joaquim Santos
Presidente da Câmara Municipal do Seixal

A comunicação social local,
ocupa hoje um lugar central no
que à informação de proximidade diz respeito, isto num município e freguesias, com uma
dinâmica forte ao nível dos vários eventos e acontecimentos que regularmente acontecem nas diversas áreas de atuação, sejam de cariz desportivo,
cultural, social ou recreativo e religioso.
Informação essa muito importante, pois permite dar
visibilidade a realizações que de outra forma passariam despercebidas, para a nossa população uma
vez que existe uma diria “natural”, dificuldade de
acesso à comunicação social de âmbito nacional, no
respeitante à promoção das realizações que acontecem num lugar próximo de nós, nos nossos Bairros,
Aldeias, Vilas ou Cidades, que naturalmente têm o
seu enfoque numa perspetiva mais macro ou global,
existindo muitas realizações e acontecimentos levados a efeito pelas nossas autarquias e pelo nosso
dinâmico e pujante movimento associativo e fundamentais para o nosso município e nossas populações
que de outra forma não teriam a visibilidade e destaque que tanto merecem.
Felicito ainda este nosso periódico, que apesar das
dificuldades com que se debate seguramente um
jornal de distribuição gratuita, pela forma isenta e
profissional como abordam as suas reportagens e
artigos e promovem o seu critério e linha editorial.
Parabéns para o Comercio do Seixal e Sesimbra
na passagem de mais um aniversário, muitas felicidades, muitos e muitos anos de vida.
Para diretores, jornalistas, colaboradores, trabalhadores, no fundo para todos quantos tornam possível
que quinzenalmente aconteça a edição de cada
número deste jornal, endereço um grande abraço,
um grande abraço de amizade e reconhecimento,
um grande abraço pessoal, mas também do tamanho de cada uma das nossas freguesias do Seixal,
Arrentela e Aldeia e Paio Pires."
António Santos
Presidente da União de Freguesias de Seixal,
Arrentela e Aldeia de Paio Pires

"Se foi em 1641 que começou a circular o primeiro jornal periódico Português, em 2007 iniciou-se
o projeto “Comércio do Seixal e Sesimbra". Assim, gostaria de felicitá-los pelo seu 9º aniversário e
desejar que continuem com o objetivo de informar a nossa população, sempre com independência
e imparcialidade devida. É com satisfação que assisto já há alguns anos ao evoluir de um órgão
de comunicação social local que, apesar de tudo, consegue superar todas as dificuldades diárias.
Muitas felicidades."
Bruno Vasconcelos
PSD Seixal
Publicidade

"A mitologia grega considerava que a materialização
do verbo se faz com e pelas
nove musas.
Essas nove musas são:
Clio, a musa da história.
Urania a inspiração divina,
musa da verdade.
Calíope a musa da eloquência.
Erato a do amor, musa das canções dos amantes.
Euterpe a melodiosa.
Polímnia a musa da tradição.
Melpômene a da tragédia, que penetra no mistério
da morte.
Talia a inspiração jovial, musa da comédia e
Terpsícore musa da inspiração animadora da dança.
No vosso nono aniversário desejo sinceramente que
as nove musas vos continuem a iluminar."
Samuel Cruz
Vereador da CMSeixal
"A passagem do 9º aniversário do “Comércio do
Seixal” merece ser assinalada com um forte aplauso
pelos leitores que se habituaram a ver nas páginas do
jornal a realidade da comunidade local do Seixal. O
RioSul Shopping, a festejar o
seu 10º aniversário, associase também à merecida homenagem a toda a equipa do “Comércio do Seixal”, com votos do maior
sucesso ao serviço dos seus leitores."
Dr. Luis Pinto Soares
Director Rio Sul Shopping

"A imprensa local é fundamental à liberdade de pensamento
e espirito crítico dos cidadãos.
Ao longo de 9 anos, o Jornal
Comércio do Seixal e Sesimbra
tem-se constituído num veículo
ímpar de partilha de informação e divulgação cultural pelo
Concelho. Que o futuro vos seja
risonho em prol de Municípios cada vez mais esclarecidos para os desafios que se avizinham."
Fernando Jorge Pires
Gerente Crédito Agrícola - Seixal

"Sentimos que o nosso trabalho
redobra de valor quando conseguimos que outros parceiros (no
sentido em que servem a mesma
população que nós)privilegiem o
nosso esforço com um olhar.
Tem sido o caso deste jornal, que
congratulamos pelo seu 9º. aniversário desejando-lhe muitos mais anos de vida,
no cumprimento dos seus superiores objetivos."
António Sanches
EDP Distribuição – Energia, S. A.

mensagens

CSS | 23 de Novembro de 2016

12

PARABÉNS AMIGO!
Continuação
"Á semelhança do que já
aconteceu nos dois anos
anteriores, cá me encontro
mais uma vez em frente a
uma folha de papel do formato A4, para te formular
os meus sinceros parabéns
pela passagem de mais um aniversário, o nono.
És um jovem, mas com a tua tenra idade (nove anos),
tens sido um mestre para todos aqueles que te lêem.
Sempre tenho escrito nas tuas páginas, durante os
seis anos e meio que nos conhecemos, tudo quanto
tenho querido, sem nunca ter notado da tua parte a
mais pequena censura pela maneira como eu vejo
este país onde vivemos e que é o nosso.
Quando utilizo as tuas páginas arranjo forças para
continuar porque és um "tónico", melhor que muitas vitaminas… És um "Comércio" muito especial.
"Nunca desistas", "não baixes os braços", porque tu
tens coragem para seguir em frente. Não te deixes
humilhar seja por quem fôr. Conta com a minha amizade e com a minha colaboração.
Tens sido um bom amigo onde eu por vezes "descarrego" o que me vai na alma e a má sorte que por
vezes me persegue…
Espero e desejo que daqui a um ano estejamos cá
os dois para te dar os parabéns pelo teu décimo
aniversário.
Um abraço deste teu amigo que te deseja muitos
anos de vida para satisfação dos teus leitores."
José Mantas
Sargento Mor (Aposentado)
"Parabéns companheiro pelos
teus nove anos de vida. És jovem,
mas na realidade considero-te um
adulto na missão de informar a
população do Seixal e Sesimbra.
Companheiro, na minha memória
ficou registado o dia 24 de Junho
de 2013, quando tive o primeiro
contacto com todo o staff deste
grande coletivo, que desde a primeira hora me incentivaram a continuar a enviar os meus trabalhos
em poesia, para além de ser convidado para escrever uma carta à moda antiga para uma pessoa
que tinha acabado de conhecer. Fiquei muito sensibilizado pelo voto de confiança e a partir desse
momento nunca mais parei. Hoje sinto que sou mais
rico culturalmente e deixo aqui o meu agradecimento sincero pelo incentivo que me deram. Parabéns e
venham muitos mais aniversários."

"Um acto de resistência e de
grande relevância
Não tenho sido leitor assíduo
do Comércio do Seixal e
Sesimbra, mas as vezes que
tenho tido oportunidade de
o ler, mormente nos últimos
tempos, tenho observado haver da parte dos seus
responsáveis a preocupação de facultar ao leitor
temas que tratam de assuntos que se prendem com
a realidade local.
A meu ver, um jornal com estas características,
não deve (nem pode!) pretender concorrer com
os chamados órgãos de informação de âmbito
nacional, sob pena de se auto-condenar à extinção, mas a circunstância de estar mais o próximo
da comunidade onde se insere e do conhecimento
que dela possui, pode e deve motiva-lo afornecer
aos leitores, noticias que os outros não publicam, ou
então, uma abordagem diferente dos temas que
trataram e cuja mais-valia resulta dessa proximidade ao acontecimento.
É, pois, neste contexto que entendo que o desempenho da actividade jornalística no quadro da imprensa regional, é, em certa medida, também um
acto de militância, do mesmo modo que, em muitas
situações, a sobrevivência de um jornal tal como do
Homem, será sempre um exercício de resistência.
Logo, concluir mais um ano der actividade é (sempre!) um feito de grande relevância."
Fernando Fitas
Jornalista

"Parabéns ao comércio por mais
um ano de serviço noticioso e
de informação. A resiliência da
sua equipa, traduzida na permanente melhoria dos padrões
de qualidade daquilo que semanalmente é publicado nas
páginas do Comércio, valem-lhe
o reconhecimento da população
do concelho, para quem o jornal constitui já a indispensável referência. Com a imagem recentemente
renovada, o Comércio está pronto para continuar a
cumprir os objectivos que todos nós dele esperamos.
Ficam os votos de felicidades e sucessos por muitos
e bons anos."
João Araújo
Advogado

Agostinho Cunha
Operário Fabril (Aposentado)

Singela homenagem
Sobre o jornal ninguém falará melhor que os leitores e aqueles que ao longo dos tempos
acompanharam o seu percurso e a sua evolução desde que este saíu à rua para se afirmar
no universo da imprensa regional. Um universo que foi estilhaçado pela crise e à qual o
Comércio do Seixal e Sesimbra tem sabido estoicamente resistir, com coragem, com perseverança, muita carolice, muita paixão e, óbviamente, graças também à união de muitas
vontades que ajudaram a ultrapassar os obstáculos quando estes surgiram pelo caminho.
Porém, seria injusto se, hoje, aqui, não fosse prestada uma singela homenagem àquela que
tem sido a catalisadora da união destas muitas vontades que tem conseguido manter vivo
este projecto que já se mantém há nove anos, sem deixar de se renovar e revigorar, adaptando-se à dinâmica
de uma sociedade, cada vez mais exigente e ávida por informação.
Falo, obviamente da Ângela Rosa, proprietária do Comércio do Seixal e Sesimbra.
Apaixonada pelo que faz, lutadora incansável e determinada a Ângela Rosa é uma líder cheia de garra que,
nos momentos mais difíceis da crise, nunca se deixou abater pelo desânimo, e de quem se pode dizer que personifica o espírito de uma equipa empenhada neste projecto ao serviço da região e das suas populações.
Por tudo isto, é a Ângela quem está de parabéns nesta altura em que o Comércio do Seixal e Sesimbra assinala
mais um aniversário.
Fernando Soares Reis
Repórter

"Aniversário do nosso
jornal
“Comercio do
Seixal e Sesimbra”
Sempre gostei de escrever, tinha muitos textos na
gaveta mas não publicava. Devo ao António Henriques a benesse da publicação dos meus textos.
No início dos anos 2000 era director adjunto da
“Tribuna Do Povo” e passei a ter uma coluna denominada “Cantinho Alentejano”.
O meu fascínio foi sempre a imprensa local e por
isso além de colaborar em alguns jornais alentejanos já estou no "Comércio do Seixal e Sesimbra" há
alguns anos, e foi por ele que obtive a carteira de
jornalista colaboradora.
Por isso estou hoje aqui a dar os meus sinceros
parabéns ao nosso jornal e a desejar que continue
a melhorar como o tem feito progressivamente.
Um abraço a todos os colaboradores, pois já somos
uma grande família."
Maria Vitória Afonso
Professora (Aposentada)

"Nove anos de liberdade de expressão e de informação regional de confiança. O Comércio do
Seixal e Sesimbra abriu portas
ao futuro, conseguindo semanalmente alcançar as expetativas
dos leitores, através do trabalho
e dedicação dos redatores e colaboradores.
Que venham muitos mais anos a informar e a divulgar o Seixal e Sesimbra, as suas culturas e as suas
gentes.
Parabéns!"
Mário Barradas
Professor

"Endereço por este meio ao
semanário Comércio do Seixal
e Sesimbra, as minhas felicitações e parabéns pelo excelente
trabalho e serviços prestados
à comunidade na área de informação com relevo para
as áreas da saúde e cultura,
neste ano em que se comemora
o nono aniversário desde a sua
fundação (16/11/2007).
Votos de sucesso e continuação do bom trabalho
realizado."
José Manuel Consciência
Chefe da AT Serviço Finanças - Seixal 1

"À equipa do Comercio do
Seixal e Sesimbra desejos as
maiores felicidades para a passagem deste 9.º aniversário.
Ao longo destes 9 anos soube
impor-se na vida concelhia e
tornar-se um jornal de referência no concelho do Seixal. Tenho
a certeza que, com uma equipa
reforçada, continuará a seguir
o seu caminho de sucesso, pelo
que é a altura de começarem a preparar o 10.º aniversário."
Paulo Silva
Advogado

mensagens

CSS | 23 de Novembro de 2016

13

"É um jornal local que aborda
temas atuais, com notícias do
que se passa nestes dois concelhos e artigos variados e interessantes.
É um jornal interativo e que nos
lança desafios, é sempre com
grande expetativa que recebo
o vosso email com o pdf do jornal e com as frases inspiradoras que muitas vezes
partilho.
Há 9 anos a informar! Parabéns e continuação de
muito sucesso."
Benvinda Bischoff
Quinta Valenciana

"Saudações ao Comércio do
Seixal e Sesimbra pelo seu
excelente trabalho realizado
ao longo deste nove anos de
existência, contribuindo desta
forma para o desenvolvimento
do próprio concelho. Uma fonte
de informação de confiança, de
excelência que presta, um serviço público às pessoas e, aos leitores isento de informação."
Carlos Reis
Presidente Junta de Freguesia Fernão Ferro

Parabéns ao Comércio do Seixal e Sesimbra
"Hoje, qualquer um de nós tem, facilmente, acesso a informação, praticamente em tempo
real, do lugar mais recôndito do globo. As novas tecnologias da informação deram-nos esse
poder e essa possibilidade de nos sentirmos ligados ao mundo, a cada momento. No entanto, esta sensação de conhecimento global corresponde, muitas vezes, a um afastamento
daquilo que é local, que é nosso, que interfere no nosso quotidiano.
Naturalmente que uma informação global é fundamental, mas é importante que cada um
de nós possa ter também acesso a informação do local onde vive, das opções que são
tomadas por quem o governa, daquilo que o rodeia. Neste campo, a imprensa local tem
um papel e uma oportunidade únicos. Ao informar-nos daquilo que se passa localmente, está a incentivar-nos a
agir, a participar e a mudar. Por tudo isto, é com grande satisfação que felicito o jornal Comércio do Seixal e
Sesimbra um projeto que soube crescer e impor-se, e hoje é uma referência da imprensa da região. Parabéns
a toda a equipa por estes nove anos de atividade e por semanalmente nos dar notícias frescas daquilo que se
passa à nossa porta!"
Felícia Costa
Vice-Presidente da CMSesimbra
"Não são muitos, …mas ainda existem alguns!
Este é o momento certo para felicitarmos um dos poucos órgãos de comunicação social
existentes na nossa região
Parabéns"
Luis Marques
Administrador Crédito Agrícola
Publicidade

Ângela Rosa

Directora Geral do Jornal
"Comércio do Seixal e Sesimbra"

OBRIGADA...!!!
Fernando Pessoa escreveu um dia que "O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem.
Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis."
E é bem verdade!
Nestes nove anos da nossa existência, vivemos momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e convivemos com
pessoas incomparáveis, que iremos recordar pela vida.
Apesar de tentar fazer sempre jus ao meu nome, a vida
como empresária neste ramo da comunicação social é
difícil, uma vida que tem tido alguns espinhos. Mas,
felizmente, os momentos gratificantes têm sido muitos
mais.
É verdade que nem sempre pudemos fazer o que gostaríamos para levar aos nossos leitores a informação a
que têm direito.
Sem outros meios que não sejam os apoios dos nossos
anunciantes, o trabalho incansável dos nossos colaboradores e o carinho dos nossos fiéis leitores e amigos que
compreendem bem o quanto difícil é a vida de um jornal que não depende de ninguém, conseguimos manter
o mesmo empenho e determinação, a mesma vontade
indomável que sempre tivemos desde o primeiro número deste vosso jornal.
Convosco, continuaremos a fazer o nosso caminho,
caminhando sempre com a vontade de querer fazer
melhor, com o mesmo rigor e objectividade, o mesmo
respeito e a credibilidade que granjeámos.
Porque os nossos leitores merecem.
E esta é a nossa forma de estar, conscientes de que a
cada dia que passa fazemos cada vez melhor.
A todos o nosso obrigado.

sociedade

CSS | 23 de Novembro de 2016

12
14
14

ASSOCIAÇÃO JOSÉ AFONSO
PROMOVE ENCONTRO EM ALMADA
A Associação José Afonso realiza, na cidade de Almada, no fim-de-semana de 26 e 27 de Novembro, o seu 2.º Encontro Nacional de Núcleos da
AJA.
DR

O evento decorre nas instalações
da Pousada da Juventude de Almada e
vai contar com a participação de várias
dezenas de activistas desta Associação,
organizados nos 14 Núcleos existentes no
nosso país e, mais recentemente, também
um núcleo na Bélgica.
No decurso destes dois dias vai ser
discutida a forma de funcionamento dos
Núcleos da Associação e vão ser postas
em comum muitas das experiências
e vivências dos membros da AJA.
Propor-se-á também a aprovação de
um documento com um conjunto de
normas indicadoras e orientadoras

Publicidade

de procedimentos para os diferentes canções que criou e que cantou, que se
interligaram com a história do nosso país
Núcleos.
e do nosso povo, nomeadamente, na luta
Na parte da manhã de domingo, pela liberdade e pela justiça.
decorrerá a Assembleia Geral da
Do programa deste dois dias consta
Associação, que formalizará algumas das
propostas que estiveram em debate no dia ainda um sarau musical, na noite de
anterior, bem como submeterá à aprovação sábado, dia 26, em que irão participar
o Orçamento e o Plano de Actividades vários músicos e poetas desta Associação.
para 2017, que será muito centrado nas
Vitor Sarmento
comemorações dos 30 anos da fundação
desta Associação e na evocação da figura
de José Afonso, decorridos em 17 de
Fevereiro, os 30 anos da sua partida.
Adiantamos ainda que por todo o País
estão a ser preparados múltiplos eventos,
que para além de mobilizarem todos os
dirigentes e activistas da AJA para a sua
implementação, contam já com apoios de
diferentes entidades, de onde se destacam
as autarquias locais, escolas, bibliotecas
e outras entidades, por forma a que estas
comemorações possam ser patrocinadoras
de significativos momentos evocativos da
figura ímpar de José Afonso, muito em
particular junto das camadas mais jovens,
que, conhecendo muitas das suas músicas,
nem sempre conhecem as suas vivências
cívicas e humanas e o seu papel importante
no fado de Coimbra (cidade onde iniciou a
sua carreira musical) na música tradicional
portuguesa, mas muito em especial nas

social

CSS | 23 de Novembro de 2016

11
15

*“Histórias Associativas - Memórias
da Nossa memória”

O movimento associativo constitui
uma das principais riquezas sobre as
quais assenta a identidade cultural do
actual Concelho do Seixal e dos seus
habitantes. Esse vasto património, cuja
construção se iniciou há mais de século
e meio, reflecte ainda a pujança e a
criatividade das gentes que, ao longo dos
tempos, aqui se radicaram e dele fizeram
um dos mais progressivos municípios da
Margem Sul do Tejo.
Antiga terra de pescadores, de
calafates, carpinteiros de machado e
de operários vidreiros e corticeiros, o
Concelho do Seixal, é, assim, um lugar
que se orgulha do seu passado, nele
Publicidade

reconhecendo preciosos e indispensáveis
ensinamentos ao modo como tem sabido
rasgar os caminhos que conduzem às
alamedas do futuro.
Trata-se ainda de uma terra cuja
memória colectiva resulta da capacidade
interventiva evidenciada, desde sempre,
pelas suas instituições, na primeira linha
das quais se encontram as colectividades,
pólos aglutinadores de vontades e
saberes, que sempre se afirmaram como
os principais locais de reunião e de
convívio das diversas gerações que por
elas passaram.
Assumindo-se
igualmente
como
espaços de amizade e fraternidade, as
colectividades acabavam, afinal, por se
transformar, bastas vezes, em centros
de solidariedade, suprindo carências e
dificuldades de um ou outro associado,
sempre que a doença ou o infortúnio lhe
batiam à porta.
Ora, sabendo-se que a história oficial
da generalidade das colectividades,
apenas assinala os acontecimentos que,
do seu ponto de vista, maior relevância
adquiriram no domínio da vivência
colectiva, poucas vezes regista as pequenas
histórias individuais, muitas delas fruto
de uma profunda paixão associativa
que muito contribuiu para a elevação e
dignificação das próprias colectividades.
É esse conjunto de testemunhos
humanos, essa capacidade de entrega a uma
causa, essa disponibilidade permanente
de dar sem nada pedir em troca, a não
ser a estima dos restantes consócios e o

sentimento de haver concorrido para a
projecção da sua associação e, por via dela,
da própria terra, que aqui transcrevemos
em próximas edições.
São, pois, algumas dessas pequenas
histórias, ou, se se preferir, uma mão cheia
de subsídios que nos foram confiados
por um significativo número de pessoas
que, acreditando na nobreza dos valores
do associativismo, a ele se dedicaram,
doando-lhe o melhor do seu tempo, do seu

saber e experiência, e, nalguns casos, até,
os poucos tostões que haviam amealhado
ao cabo de uma vida de trabalho mal
pago, que ora se publicam.
Não sendo ainda pretensão reescrever
a história de cada uma das colectividades,
mas sim cuidar da recuperação do
valioso património humano constituído
pelas vivências e memórias dos seus
mais dedicados associados, com elas se
procura, objectivamente, salvaguardar
o inestimável legado que esses homens e
mulheres possuem, no fundo, preservar
um pouco da própria história do concelho,
antes que a inexorável lei da vida tratasse
de apagá-la.
Esse, foi, aliás, o grande objectivo
do trabalho colocado à disposição da
população do Concelho do Seixal e de
todos os interessados na história das suas
colectividades, constituindo-se ainda,
pela sua natureza, como a expressão de um
reconhecimento público, a todos quantos
fizeram do movimento associativo uma
das mais prestigiadas bandeiras desta
terra.
Fernando Fitas
*Excertos de “Histórias Associativas, - 1º
volume – As Filarmónicas”.
Propriedade e edição: Câmara Municipal
do Seixal.

entrevista

CSS | 23 de Novembro de 2016

16
16

"É uma profissão que exerço com carinho
e amor há 14 anos"

Em busca de um novo desafio profissional Bruno Melo oriundo do concelho do Seixal, deixou Barcelona e, foi viver para a Islândia, onde está faz
4 anos. País que representou no Mundial da Bulgária 2015 e Japão - Tokyo 2016.
DR

Quando surgiu a ideia de seres
Barman?
Bem, a ideia de ser Barman surgiu
depois de eu ser Dj, é verdade comecei
como Dj mas comecei a aperceber-me de
que estava a admirar muito e a ganhar
mais interesse pelo bar, foi quando decidi
tentar e devido ao facto também de ser
difícil de entrar e ter pessoas que me
influenciaram de modo positivo e ou me
deram a oportunidade de me iniciar nesta
profissão e me apoiaram.
Há quanto tempo fazes desta
profissão modo de vida?
É uma profissão que exerço com
carinho e amor há 14 anos. Mas assim a
sério e a 100% desde 2005 por aí.
O que é necessário para ser Barman?
Para seres um Barman de Topo tens
obrigatoriamente que gostar de ser
Barman, seres um relações públicas, teres
noção que lidas com bebidas alcoólicas
e, clientela que ingere o mesmo, dai as
cautelas a ter em consideração, depois
a constante atualização e pesquisa são
muito importantes.
Existe algum curso específico?
Sim, existe, eu por exemplo tirei os
meus cursos na Cocktail Academy de
Paulo Ramos, mas também existe vários
Cocktail Team ou Liquid Consulting a
nível Nacional. Depois temos ao nível
mundial, que recomendo, a WFA (World
Flair Association) onde se pode tirar
cursos e, níveis na qual quero participar
brevemente.
Com o aparecimento de novas
bebidas no mercado é necessário fazer
alguma reciclagem ou basta apenas ter
muita imaginação?
A "Reciclagem" é fundamental para
a criação e, logo está associado a teres
uma boa imaginação em combinar novos
produtos, criando um novo sabor ou
cocktail. E assim, se faz a diferença neste
pequeno Mundo.
Uma bebida que te defina e porquê?
Dizer só uma bebida seria difícil, mas,
a referir uma, seria talvez um Negroni, um
verdadeiro clássico com ingredientes que
adoro e, que misturados são a combinação
DR

perfeita, são eles Gin, Martini Rosso
(ou outro), e Campari depois são os
detalhes que fazem a diferença. É assim
um Cocktail que me identifico pela sua
composição e história.
Como foi o teu primeiro dia de
trabalho como Barman?
O meu primeiro dia foi bastante
trabalhoso, comecei à noite, sozinho.
Mas, foi muito bom para mim. Lembrome perfeitamente de ser eu a fazer as
coisas todas sozinho, porque não estava lá
ninguém e adorei, o facto de as pessoas
gostarem das minhas bebidas dava-me
muita satisfação pessoal.
Qual a bebida mais exigente que te
foi pedida até hoje?
Não sei bem dizer, mas, talvez quando

participei na competição da World Class
(Categoria a nível Mundial).
Hoje em dia ser Barman é uma
profissão desejada por muitos; status,
reconhecimento, contactos, enfim, por
um inúmero vasto de aspetos, achas
que estes fatores desvalorizaram a
mesma?
Não creio que desvalorize pelo simples
facto de que as escolhas e decisões cabem
aos gerentes e proprietários a escolha,
entre, pagar e ter um bom Bartender resultados adjacentes, ou, pagar pouco e,
ter alguém que sirva copos tão distintos.
Qual a diferença caso exista, entre a
nova geração de Barman`s para a tua?
Existe alguma diferença. Reparo bem
no Flair Bartending, parece-me, que

havia mais e melhores na minha geração,
depois a evolução, a forte competição
entre nós fez com que a criação, a Internet
e telefones fizessem a diferença quando
comecei. As tecnologias e artefactos
fazem a diferença.
Neste momento, estás a trabalhar
fora do País, como surgiu esse convite?
Eu estava em Barcelona a trabalhar
já fazia 4 anos nos verões e encontravame um pouco saturado, em busca de um
novo desafio. Após falar com um amigo e,
fazer uma pesquisa, ele disse-me que não
havia muito lá na Islândia, mas, decidi
arriscar. Estou lá, faz 4 anos, e nestes anos
já representei a Islândia no Mundial da
Bulgária 2015 e no Japão - Tokyo 2016
quando fui, foi sem garantias de trabalho
só cartas de recomendação.
Como é gerir a família e o trabalho,
uma vez que, trabalhas mais de noite?
Gerir a família e a vida social é difícil
mas se tiveres uma família sólida e forte,
que te apoia, amigos que perdem umas
horinhas de sono e vice-versa tudo se
consegue. Mas, logicamente perco muitos
momentos pessoais derivado aos horários
que não condizem com o resto da maioria
dos amigos e os fins-de-semana, enquanto
eu trabalho eles folgam e etc.. mas faz
parte. Não se pode ter tudo.
Para terminar a entrevista, despedete com um cocktail bastante original,
aceitas?
Sim! Claro que Sim! Vou recomendar
um que todos podem fazer e ter acesso aos
ingredientes que são especiais para mim, pois
levei agora ao Mundial do Japão e, que foi
dedicado á minha filha. O nome é Red Simone,
consistido por 4 cl de Rum Havana 3 anos ou
outro, 3 cl Amaretto Licor , 6 cl de sumo de
ananás e 6 cl de sumo de arando , 3 cl de sumo
de limão fresco e 2 cl de xarope de açúcar.
Muito Obrigado.
Felicidades ao Jornal.

agenda

CSS | 23 de Novembro de 2016

17

DR

Publicidade

Feira das Antiguidades, Artes
e Artesanato
DR

Domingo, dia 27 de Novembro, das 10 às 18h, O
Parque da Vila, na Quinta do Conde, ganha outro encanto aos terceiros
e quartos domingos de
cada mês, dias em que
acolhe a Feira das Antiguidades, Artes e Artesanato.
No certame pode encontrar verdadeiras relíquias
e preciosidades de outras
épocas ou objetos feitos
pelas mãos de artesãos
locais a partir de diversos
materiais, uma iniciativa a
não perder.

Dia 26 Novembro,
pelas 10h no Parque
Ecológico da Várzea,
na Quinta do Conde,
decorre a plantação de
arbustos autóctones.
O Parque Ecológico
da Várzea, na Quinta do
Conde, recebe várias
atividades inseridas no
projeto Florestar Portugal,
que pretende aproximar
os cidadãos das florestas,
alertando para os seus
benefícios. O espaço
acolhe uma plantação de
árvores autóctones e um
percurso pedestre.

DR

Sexta, dia 25 de Novembro às 21.30h na Sala Polivalente, Biblioteca Municipal
de Sesimbra o Espectáculo
de Poesia, pela Andante Associação Artística. Porque o
conceito de aleatório é muitas vezes a base do trabalho
artístico, dar sentido a essa
intuição é o grande desafio
do espetáculo de poesia Aleatório - Concerto de Palavras
ao Acaso, da Andante Associação Artística. Os poemas
são de António Mota, Cecília Meireles, Eduardo Pitta,
Gabriel Celaya, José Carlos
de Vasconcelos, Manoel de
Barros, Mário Cesariny, Mário de Sá-Carneiro, Rosa Alice Branco, Salette Tavares,
Vitorino Nemésio, entre outros. O espetáculo é interpretado por Cristina Paiva, com
animações de Américo Prata, sonoplastia de Fernando
Ladeira e figurino de Lucília
Telmo. Uma hora de viagem
(pouco) ao acaso.

As iniciativas, organizadas
pela Anime – Projecto de
Animação e Formação,
estão abertas à comunidade
e procuram também dar a
conhecer a biodiversidade
do Parque Ecológico da
Várzea e os projetos que
têm sido implementados
com vista à sua valorização.

DR

Florestar
Portugal 2016

FEIRA
DO CHOCOLATE

Fórum Cultural
do Seixal
O Fórum Cultural do
Seixal celebra 23 anos
de vida no próximo
sábado dia 26 de novembro e apresenta um
programa comemorativo com música, contos,
leituras e outras tertúlias, a decorrerem na
Biblioteca e no Auditório
Municipal.
Inaugurado em 26
de novembro de 1993,
este
equipamento,
composto pela Biblioteca Municipal do Seixal,
pelo Auditório Municipal
e pela Galeria de Exposições Augusto Cabrita,
com várias valências
dedicadas à difusão
do conhecimento, tem
contribuído para a qualificação da oferta cultural e para o acesso e
fruição de bens culturais no município.

Nos próximos dias
25, 26 e 27 de Novembro, realiza-se no Jardim do Fogueteiro a
Feira do Chocolate de
Amora, contando com
um programa de animação que inclui uma
mega aula de Zumba,
estátuas de chocolate, antas e malabares,
música e muitas outras
actividades. A entrada é
livre.

DR

Aleatório - Concerto de Palavras ao Acaso

saúde

CSS | 23 de Novembro de 2016

16
16
18

DIAGNÓSTICO
DA SARNA HUMANA

artigo

A sarna humana é uma doença
de pele provocada por um
parasita e caracterizada por
prurido intenso.

Jorge Neves

Ana Pinto de Oliveira
Médica Interna Ano Comum
Hospital Garcia de Orta

DROGAS ILÍCITAS
O que são drogas?
Para a OMS droga é toda a substância que introduzida no organismo altera
uma ou mais das suas funções (físicas/
psicológicas). São consideradas drogas
todas as substâncias lícitas/legais - cafeína, nicotina, álcool - mas também as
substâncias ilícitas/ilegais como a heroína, a cocaína, cannabis e ecstasy.
Os medicamentos são drogas lícitas
que nos ajudam a recuperar de doenças,
no entanto a forma como os usamos
pode levar a uma relação de dependência. Portugal é um dos países europeus
com maior consumo de anti-depressivos
e ansiolíticos.
O Relatório Europeu sobre drogas
(2016) revela que mais de 80 milhões
de adultos na União Europeia, já terão
experimentado drogas ilícitas. Existem
diversos motivos pelos quais as pessoas
usam drogas ilícitas, para esquecer os
problemas, por curiosidade, como uma
forma de chamar a atenção ou apenas
para se “encaixar” num determinado
grupo.
O uso de drogas pode ocorrer em todos os tipos de ambientes ou contextos.
Entre homens ou mulheres, jovens
ou velhos, ricos ou pobres, com ou sem
emprego, da cidade ou do campo.
O consumo regular leva a uma situação de dependência física e psicológica.
Aumenta também a possibilidade de
vir a contrair algumas doenças como
por exemplo SIDA e Hepatites, problemas cardiovasculares, perturbações
psiquiátricas, alterações psicológicas,
dificuldades de concentração e perda de
memória, entre outras patologias.
Ao uso destas substâncias estão também associados os acidentes de trabalho,
de condução, suicídios, agressões e diversos crimes.
Podem ainda conduzir a situações sociais graves, como a incapacidade para o
trabalho, problemas familiares, financeiros e judiciais.
Publicidade

A sarna humana ou escabiose é uma
doença cutânea infeciosa e contagiosa. É
causada por um parasita, mais concretamente
um ácaro chamado Sarcoptes scabie, que
vive apenas na pele humana. A fêmea escava
um túnel na pele, onde deposita os seus ovos,
provocando uma reação alérgica.
Sintomas da sarna humana
Os sintomas da sarna humana surgem
habitualmente entre 3 a 4 dias após o
contágio e podem prolongar-se durante
várias semanas.
Comichão ou prurido, sobretudo à noite.
Erupções cutâneas/Pápulas (semelhantes
a picadas) em zonas sugestivas do corpo,
sobretudo entre os dedos, nas mãos, axilas,
seios, nádegas, genitais e abdómen. Nas
crianças mais novas e nos bebés, podem
atingir outras zonas, como a cabeça, as
palmas das mãos e as plantas dos pés.
Descamação e crostas - A sarna crostosa
ou norueguesa, a forma mais grave e rara de
escabiose, corresponde a uma hiperinfestação
por Sarcoptes scabie e atinge essencialmente
pessoas com doenças que comprometem o
sistema imunitário.

que é fundamentalmente clínico. Pode haver
confusão com outras doenças dermatológicas,
como as dermatites. Em caso de dúvida,
podem ser recolhidas amostras das lesões e
realizada uma observação microscópica para

confirmar a presença do parasita.

DR

Como prevenir o contágio da sarna
humana?
A sarna humana ou escabiose é contagiosa,
transmitindo-se através do contacto direto
com a pele de alguém que esteja infetado
ou, menos frequentemente, pela partilha da
mesma roupa ou da mesma cama, podendo,
nestes casos, atingir famílias inteiras.
Os animais, designadamente os
Como diagnosticar
domésticos, não podem propagar a sarna
Os sintomas, a apresentação e a humana, uma vez que o Homem é o único
localização das lesões cutâneas sugerem o hospedeiro do parasita responsável pela
diagnóstico de sarna humana ou escabiose, doença.

VACINAÇÃO
CONTRA A GRIPE 2016/17

A vacinação é a melhor prevenção,
sobretudo em relação às complicações graves.
Os vírus da gripe estão em constante
alteração e a imunidade provocada pela vacina
não é duradoura, pelo que as pessoas se devem
vacinar anualmente.
Assim, a vacinação contra a gripe é
fortemente recomendada:
- pessoas com idade igual ou superior a 65
anos;
- doentes crónicos e imunodeprimidos (a
partir dos 6 meses de idade);
- grávidas;
- profissionais de saúde e outros prestadores
de cuidados.
A vacina também é recomendável às pessoas
com idade entre os 60 e 64 anos.
A vacina contra a gripe é gratuita para as
pessoas a partir dos 65 anos nos centros de
saúde, sem necessidade de declaração médica

A gripe é uma doença contagiosa que,
maioritariamente, cura espontaneamente.
Mas podem ocorrer complicações,
particularmente em pessoas com doenças
crónicas ou com 65 ou mais anos de idade.
e sem pagamento de taxa moderadora.
A vacina também é gratuita para pessoas,
independentemente da idade:
- residentes em instituições ou na Rede
de Cuidados Continuados
Integrados;
- doentes em diálise crónica e
pessoas transplantadas;
- que estejam aguardar
transplante, em quimioterapia,
síndrome de Down, entre
outras patologias.
FALE COM O SEU MÉDICO DE
FAMÍLIA.
NESTE INVERNO NÃO DEIXE QUE
A GRIPE O APANHE DESPREVENIDO.
PROTEJA-SE.
VACINE-SE GRATUITAMENTE.

Embora não faça distinção entre
classes sociais ou hábitos de higiene, a
sarna humana é mais comum em pessoas
que estão em grande contacto físico com
outras, como crianças pequenas e idosos
institucionalizados.
Existem algumas medidas que visam
prevenir a transmissão da sarna humana,
sobretudo em casa, tais como:
Lavar toda a roupa interior, pijamas e
roupa de cama utilizados em água bem
quente;
Estender o tratamento ao parceiro e aos
outros elementos da família.
Tratamento da sarna humana
O tratamento da sarna humana ou
escabiose consiste essencialmente na
aplicação de soluções escabicidas de aplicação
tópica, isto é, diretamente sobre a pele. Pode
ser necessário recorrer a medicamentos com
ação sistémica, administrados por via oral,
nomeadamente quando a patologia afeta a
família inteira ou pessoas institucionalizadas.
Também podem ser prescritos antihistamínicos para o alívio do prurido e da
vontade de coçar, evitando os indesejáveis
arranhões e consequente infeção secundária
por bactérias.
Alguns sabões, cremes e pomadas são
contraindicados, podendo mesmo agravar o
problema. Evite a automedicação.

VISITAS PEDAGÓGICAS
A ESTABELECIMENTOS
DE APOIO A IDOSOS
Dando continuidade a actividades
já desenvolvidas noutras épocas de
inverno, a Unidade de Saúde Pública do
ACES Almada-Seixal, iniciou no mês de
novembro visitas com carácter pedagógico
a estabelecimentos de apoio a
idosos dos dois concelhos, com a
finalidade de reforçar e relembrar
a importância da vacinação
contra a gripe sazonal, por parte
dos idosos e pessoal prestador de
cuidados, desses equipamentos.
Com o responsável e o
enfermeiro da instituição serão ainda
abordadas outras temáticas, tais como a
importância da lavagem frequente das
mãos, normas de etiqueta respiratória (tossir
ou espirrar para um lenço descartável ou
para o antebraço), conforto térmico dos
equipamentos residenciais para idosos, entre
outras.

gastronomia

CSS | 23 de Novembro de 2016

19

Receita:
Salmão ao forno com molho de manteiga e limão
DR

Preparação:
• Pré aqueça o forno a 180C.
• Tempere o salmão com sal e
pimenta do reino branca, colocando
as postas numa travessa.
• Regue com um pouco de azeite,
vinho madeira e leve ao forno
durante 15 minutos.
• Para preparar o molho, derreta a
manteiga numa panela.
• Adicione as raspas e o sumo do
limão, mexendo até levantar fervura
e depois desligue.
• Sirva o molho de limão sobre o
peixe, finalizando com a salsa ou
coentros e um pouco de pimenta do
reino.
• Poderá utilizar outras ervas
aromáticas a gosto!

Acompanha muito bem com
arroz branco e salada ou batata assada

Publicidade

Ingredientes:
• 300g de salmão em postas
• 1 colher de sopa de manteiga
• 1 colher de vinho madeira
• Raspas e sumo de 1 limão
• Salsa ou coentros q.b.
• Azeite q.b.


Temperos: pimenta do reino branca,
sal e pimenta do reino moída no final

lazer

CSS | 23 de Novembro de 2016

16
20
16

DESCUBRA AS 9 DIFERENÇAS
O NOSSO SEIXAL...

cinema

Monstros Fantásticos
e Onde Encontrá-los
(2016)

ORIGINAL

23 a 30 de Novembro

Carneiro

21-03 a 20-04

Amor: : Faça uma surpresa agradável a uma pessoa
querida. Não se vai arrepender do resultado final.
Saúde: Proteja-se das mudanças de temperatura.
Dinheiro: Aquela quantia que pensava irrecuperável poderá ser-lhe restituída.
Números da Semana: 1, 2, 9, 27, 30, 48

Touro

21-04 a 21-05

Amor: Prepare uma ida ao cinema com a sua
cara-metade.
Saúde: Tente descontrair-se mais.
Dinheiro: Poderá ser surpreendido ao verificar o seu saldo.
Números da Semana: 11, 20, 24, 25, 29, 32

Gémeos

21-04 a 21-05

Amor: Ponha de parte a vontade de ser livre de
compromissos, deixe que o amor invada o seu
coração, aproveite o romantismo.
Saúde: Cuide da sua alimentação, evite excessos.
Dinheiro: Boa altura para comprar aquela peça
de vestuário de que tanto gosta.
Números da Semana: 11, 18, 19, 20, 21, 33

ALTERADO

dr

Caranguejo

Nova Iorque, 1926. Algo misterioso
está a deixar um rasto de destruição pelas
ruas, ameaçando expor a comunidade de
magia aos Segundos Salemers, uma fação
fanática dos SemMages (denominativo
de Muggle, em Americano) que se dedica
a localizar e destruir bruxas e feiticeiros.
Ao mesmo tempo, o poderoso feiticeiro das trevas Gelleter Grindelwald foge
ileso após provocar estragos na Europa e
continua em paradeiro desconhecido.

Sudoku

música
SOLUÇÃO

“Nua”

21-06 a 23-07

Amor: O seu coração poderá ser invadido pela
saudade, o que o vai deixar melancólico.
Saúde: Faça uma mudança exterior.
Dinheiro: Nada o preocupará a este nível.
Números da Semana: 3, 15, 18, 22, 30, 45

Leão

24-07 a 23-08

Amor: Se está numa fase menos boa no amor,
esta estará prestes a terminar.
Saúde: Não terá que se preocupar, está em plena forma.
Dinheiro: Poderá ter que fazer uma viagem de
negócios ou trabalho.
Números da Semana: 8, 10, 22, 47, 48, 49

Virgem

24-08 a 23-09

Amor: Semana propícia a novos encontros
amorosos. Fale sobre o que é belo e bom.
Saúde: A sua boa disposição contagiará os que o rodeiam.
Dinheiro: Semana pouco favorável a novos
investimentos.
Números da Semana: 18, 22, 35, 39, 44, 45

Balança

24-09 a 23-10

Amor: Estará muito carente, procure ser mais
otimista quanto ao seu futuro sentimental. Ouça
os conselhos dos mais velhos, seja puro e sincero nas suas amizades.
Saúde: Tendência para dores de cabeça.
Dinheiro: Período favorável, aproveite bem este momento.
Números da Semana: 5, 19, 32, 36, 39, 42

Escorpião

24-10 a 22-11

Amor: Esteja mais atento ao seu ambiente familiar.
Plante hoje sementes de otimismo, amor e paz.
Saúde: À exceção de uma possível constipação,
sentir-se-á bem de saúde.
Dinheiro: Preocupe-se mais com as suas tarefas em vez de estar sempre a intrometer-se nos
afazeres dos seus colegas.
Números da Semana: 1, 3, 7, 20, 28, 34

SOPA DE LETRAS
CORPO HUMANO

Sagitário

23-11 a 21-12

dr

Amor: Poderá sofrer uma grande desilusão com
alguém que lhe é muito próximo.
Saúde: Faça algum tipo de exercício de relaxamento.
Dinheiro: Seja um bom gestor da sua conta bancária.
Números da Semana: 12, 14, 30, 35, 38, 41

Três anos depois do álbum de estreia,
Gisela João edita o seu tão aguardado
segundo disco. Chama-se “Nua” e são
fados. Fados nus, sem arranjos nem artifícios de produção, como ela os sentem e
gosta de cantar.
Como o primeiro disco, gravado fora
do ambiente normal dos estúdios, entre o
Palácio de Santa Catarina, em Lisboa, e a
Cidadela de Cascais.
Consigo estiveram Ricardo Parreira na
Guitarra Portuguesa, Nelson Aleixo na
Viola de Fado, Francisco Gaspar na Viola
Baixo e Frederico Pereira na Produção e
Direção Musical.

Capricórnio

22-12 a 20-01

Amor: Saiba separar os assuntos profissionais
da sua vida amorosa.
Saúde: Estará bastante ativo.
Dinheiro: Poderão surgir algumas dificuldades.
Números da Semana: 3, 12, 14, 18, 19, 22

Aquário

21-01 a 19-02

Amor: O desejo de passar mais tempo com os
seus familiares será grande nesta fase.
Saúde: O seu organismo vai ser o espelho do seu
estado de espírito.
Dinheiro: Algum assunto que o tenha deixado
preocupado ficará resolvido.
Números da Semana: 11, 17, 20, 29, 33, 36

Peixes

20-02 a 20-03

Amor: Invista mais no seu relacionamento.
Saúde: Semana indicada para se dedicar ao exercício físico.
Dinheiro: Com empenho, alcançará o êxito que
tanto deseja e merece.
Números da Semana: 7, 17, 24, 28, 48, 49

Publicidade

CSS | 23 de Novembro de 2016

21

desporto

CSS | 23 de Novembro de 2016

16
22

Grupo desportivo criar-t
seixal - hóquei
Semana Desportiva 45

Sub-17
Crónica do Treinador Hernâni
Nunes:
Com a realização da última jornada
da 1ª volta do campeonato regional, a
Criar-t recebeu, na sua casa emprestada,
um dos 3 candidatos ao apuramento
para o Nacional. A entrada no jogo não
decorreu como esperado, dado que à
tentativa de conseguir o equilíbrio no
desenvolvimento do jogo qualquer deslize
poderia ser penalizante. Foi o que se
verificou com a equipa forasteira a chegar
aos 4-0 sem grande dificuldade, por uma
sequência de erros individuais de marcação
no processo defensivo. Após este início
titubeante a 1ª parte findou com 2-5. Na
etapa complementar a Criar-t entrou com
enorme decisão e vontade de demonstrar
capacidade para reverter os acontecimentos
e conseguiu o empate a 5 golos, com um
jogo deveras vibrante e emotivo. Assim
se manteve até perto do final que com
Publicidade

DR

alguma infelicidade para a equipa da "casa"
que registou uma derrota de 6-7 com todo
o ar de injusta pelo crer e determinação
colocados em jogo na 2ª parte. Jogo
emotivo, bem disputado e correto.

EQUIPA DE SUB-9
(BENJAMINS)
Notas:
Escola de Hóquei em Patins do
G.D.Criar-t Seixal Hóquei , Iniciação à
Patinagem Hoquista às Quartas – Feiras ,
das 18.30 hs às 19.30 hs a partir dos 4 anos
ambos os sexos , vem experimentar e trás
um amigo(a), contacto tlm 937637636.
Captação de Sub-9 (Benjamins), se
nasceste em 2008 e 2009 e jogas Hóquei
em Patins vem ter connosco e participa
nesta equipa da Criar-t.
Contacta por e-mail: mail@criar-t.org

desporto

CSS | 23 de Novembro de 2016

23

PRESIDENTE DO CCRAM NOMEADO
PARA O PRÉMIO DE “DIRIGENTE DO ANO”
NA GALA FGP 2016

José Torres, presidente do Centro
Cultural e Recreativo do Alto do Moinho
(CCRAM) foi nomeado para o prémio
de “Dirigente do Ano” que foi entregue
na cerimónia do 66.º aniversário da
Federação de Ginástica de Portugal
(FGP) realizada no passado dia 20 no
Centro de Alto Rendimento de Anadia.
A nomeação foi proposta pela
Associação de Ginástica do Distrito de
Setúbal, de acordo com o Regulamento

para atribuição de Galardões, Títulos e
Prémios da FGP.
Esta distinção vem na sequência de
todo o apoio que este dirigente associativo
tem dado à Ginástica na última década,
dignificando não só a Colectividade a
que preside como também o próprio
Concelho, constituindo um exemplo
digno de registo a que o “Comércio” se
junta para o felicitar.

GINASTAS DE TRAMPOLINS DO CCRAM
EM LUGARES DE DESTAQUE NO RANKING NACIONAL DA FGP

A Federação de Ginástica de Portugal
divulgou o Ranking Nacional de 2016
dos ginastas de trampolins e são muitos
Publicidade

os atletas do CCR
Alto do Moinho que
o ingressam: Sofia
Lourinho
(escalão
iniciados) é a ginasta
em
destaque
ao
ocupar o 1.º lugar do
ranking de Duplo
Minitrampolim entre
161 concorrentes. A
mesma ginasta ocupa
a 22.ª posição em Trampolim Individual
entre 100 concorrentes.
No mesmo escalão, a também atleta

Madalena Pegacha do CCR Alto
do Moinho ocupa a 31.ª posição em
Trampolim Individual e a 14.ª posição
em Duplo Minitrampolim.
No escalão juvenil destaque também
para Bruna Vitorino que ocupa a 3.ª
posição (entre 85 concorrentes) na
especialidade de Duplo Minitrampolim
e a 5.ª posição (entre 61 concorrentes) na
especialidade de Trampolim Individual.
Igualmente
nos
juvenis,
Sara
Ribeiro ocupa a 25.ª posição em
Duplo Minitrampolim e a 22.ª posição
em Trampolim Individual. Diogo

Palma ocupa a 15.ª posição (entre 38
concorrentes) no Duplo Minitrampolim
e a 16.ª posição (entre 27 concorrentes)
em Trampolim Individual. Finalmente,
Lucas Sinkovec ocupa a 30.ª posição em
Duplo Minitrampolim e a 21.ª posição
em Trampolim Individual.
Estes resultados são fruto do excelente
trabalho desenvolvido na época desportiva
de 2016 que, prestes a terminar, procurará
ser superada pelas ainda melhores
conquistas a alcançar em 2017.

Publicidade
24
16

CSS | 23 de Novembro de 2016


Documentos relacionados


Documento PDF comercio 353
Documento PDF comercio 323
Documento PDF comercio 350
Documento PDF comercio 346
Documento PDF comercio 338
Documento PDF comercio 336


Palabras claves relacionadas